Views

segunda-feira, 31 de maio de 2010

Cha 2 - Hale "strangeways"

      Well, it was snowing. My motorcycle stopped working and broke. My hands turned to accelerate. My whole body shaked and I felt like I would not make it out alive. I slipped on the snow and crashed against a  car covered up with snow.  I spilled blood all around me and I really thought I would pass away from that time on. I was contorted under that freezing amount of snow, wondering if I'd die frozen or because of my bruises. Time went by and I could not feel my legs, pal... I did not want to move. I knew if I tried it would be worse. I started to give up from life and give myself away. Eventually, I just remember some weak sensorial feelings. I felt that the end had touched my soul, when warming arms embraced me, fingertips caressed my hair and a perspiring whisper in my ears told me in low tune " you are safe from that dark, let me in now ".

      - But Hale what happened to you? Who was this stranger? Why didn't you go back home?

       Gloria, my dear, you gotta know that somethings you should wait for.
       I was not anymore on the roadway. The place was an old warehouse full with boats and diving equipments. When I woke up I felt sharp nails scratching my back... when I turned around two giant rats jumped off to the ground. I paid attention to the place around me and I thought, "what the hell is this? "I was on a table looking for something familiar but there was nothing. Then I started to get worried. As far I could remember the hospital would be the place I should have awaken. I stood up and I could see my bruises were stitched  up. That was when I started to search for an exit. The lights were off and the place was absolutely darkned. I tried to keep calm until to find a path of blood through the main corridor. Oh, damn it, bloody hell, that was the first time I sighted so many dead bodies in the same place. A young lady dressed in blood ripped from inside out, a bunch of guys with the body splitted in half, and still one of them  that seamingly had his head off. My throat had draught and I was getting drowzy the more I stared at those cold bodies.  I had to keep moving through in order to reach at the door. I thought I should call emergency and police.But I didn't do anything, I stayed there with one of my hands ready to open the door. Stuck in time, staying still.   There wa s some kind of force holding me back, I could hear, suddenly, a pile of thoughts running fast through my mind.

"You are the next, I see..."  a woman voice came from behind, waiting for my answer.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Cha 1 - Hale "apologies"

"Mi nombre es Hale, darling. I am sorry by the darkness."

        I have been waiting for my whole life  for this to happen. And now the time has come to make my choice: to pick up the pace or keep pretending to be someone ordinary.

        My name is Hale Buckle. I'm 33 years old. And I am here to tell you how can one god damn freaking night  becomes a hell of a nightmare.

         It all started 7 years ago when I left my hometown  Anchorage in Alaska. It was a pretty cold time indeed. People usually in this season get inside their places; lie down next to their waming comfortable fireplaces where they  have themselves heaten up. 
          It was a snowstorm and  I wasn't home for the good of my decrepit fate. Ow hell, I can still remember how that crap stinks. It was almost 7 and I was almost getting to my own place where I would meet my whole family again after the hardship of a full-daytime work on that friday. I could feel the toast bread and taste my  wife's wine right on my lips even before I got home. But I was about to know a different liquid of something I never wished to taste ... something mystique and profetic. Oh lord, I  swear had no chances against my fate .  Exclusively, when my eyes blurred and the sky went dark. 

At last, I  could feel the trees whispering to me...
Sorry, but it's hard sharing all the stuff, but anyways,  
do you want me to keep telling you what happened  Gloria?

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Estereótipos nos cursos de faculdade

Li isso e as concepções distorcidas sobre o público de cada curso são motivo de chacota para os leitores internautas. Como eu curso letras me comovi muito mais ao ler o que postaram na definição dele. Chorei de tanto rir.

ADMINISTRAÇÃO:

Pseudo-yuppies metidos a besta que pensam que podem mandar no mundo só
porque usam o terno da moda, pasta 007 e caneta Montblanc. Na verdade os
administradores são criaturas que irão falir sua empresa de um jeito
profissional. Um macaco faz a mesma coisa que ele, só que a preço de
banana…

ARQUITETURA:


Diz-se que o arquiteto não é homem o bastante para ser engenheiro, mas
também não é viado o suficiente para ser decorador. Breve deverá optar por
uma das duas, uma vez que o computador faz tudo que o arquiteto faz e mais
um pouco por um décimo do preço..

BIBLIOTECONOMIA:


É um curso que todo mundo sabe que existe, mas ninguém sabe pra que serve
essa porra. Nem os próprios estudantes de Biblioteconomia. Um dos cursos
preferidos das caçadoras de marido rico.

BIOLOGIA:


São maconheiros, gays, e maconheiros-gays (maioria). A biologia tem um
poder de atrair belas mulheres para seu curso. Este fenômeno é
inexplicável, já que biologia só fala de insetos, ratos e outros bichos
nojentos que elas odeiam. Ou deveriam odiar.

CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO:


Tarados e pedófilos em potencial, descontam todo o desejo sexual reprimido
em seus computadores. A memória de seus PC`s está lotada quase que
totalmente por fotos de mulheres nuas e filmes pornográficos, ou jogos.
Todos pensam que vão ficar ricos criando um site revolucionário na
Internet. Mas acabam mesmo é fazendo sitezinhos por 10 pratas.

CINEMA:


Uma idéia na cabeça, uma câmera na mão e uma barriga vazia. O cineasta
tupiniquim pode até ter grandes idéias para grandes produções épicas, mas
terá que contentar-se com curtas-metragens de segunda categoria. A maioria
torna-se produtores, roteiristas e atores de filmes pornográficos de fundo
de quintal, geralmente usando suas esposas ou seus maridos como
coadjuvantes, ou você também pode fazer vídeo clipes de funk toscos e não
ganhar porra nenhuma com isso.

DECORAÇÃO:


Profissão adequada para viadinhos pobres que não tem grana para pagar uma
faculdade de arquitetura. Todas sonham em ser Sig Bergamin e fazer sucesso
na Casa Cor, mas acabam mesmo é fazendo velas e sabonetes artesanais em
casa.

DIREITO:


São basicamente dois tipos de advogados: os pilantras bem sucedidos,
ricos, e os pilantras mal sucedidos, pobres, que passam a vida em porta de
cadeia. Como no Brasil tem mais faculdade de Direito do que botequim, você
tem 99,9% de chance de acabar na segunda categoria. Dizem que existe uma
3ª categoria: Os advogados honestos, mas nunca ninguém viu.

ECONOMIA:


Cursos formadores de picaretas em geral, compreendidos sobretudo por
judeus, turcos, libaneses, americanos e suíços. Alguns tornam-se prefeitos
do Rio de Janeiro, outros empresários de jogadores de futebol, mas todos
têm os mesmos destinos: Ilhas Cayman, em vida, e o inferno, em morte.

EDUCAÇÃO FÍSICA:


Reúne o inútil (aquele que presta isso) ao agradável (jogar bola). Os
formados nesta merda ou estão sempre na praia jogando volei ou na academia
vendendo bomba.

ENFERMAGEM:


São os famigerados médicos que não passaram no exame psicotécnico para
carteira de motorista, e por isso têm sérios problemas locomotores para
dar injeções nos outros. Mas dão assim mesmo. Curso predileto para tarados
que têm fantasias sexuais em hospitais.

ENGENHARIA:


Mestres da sapiência. Engenheiros tem um ar superior dentre as outras
raças. Foram eles que projetaram os prédios (que desabaram), pontes (que
estão caindo), estradas (que estão esburacadas), enfim, devemos tudo a
eles. Engenheiros adoram seus computadores, e por eles são capazes de
matar. Nunca faça um comentário do tipo "Ei, esse tal de autocad é uma
coisa imbecil, não é mesmo?" na presença de um engenheiro. O engenheiro é
espécie em extinção já que não existem engenheiras para a reprodução.
Profissão inútil com a atual onda de desemprego, há engenheiros-motoboy,
engenheiros-mecânicos de automóveis, engenheiros-professores de primário,
engenheiros-babás, etc. Geralmente aqueles que não conseguem passar no
vestibular para engenharia eletrônica, se contentam em ser técnicos e
passar a vida consertando copiadoras xerox e escrevendo em blogs.

FARMÁCIA:


São uns frustrados que não tiraram nota suficiente para passar em Medicina
e querem uma profissão que use jaleco. Mas pra quê diabos passar 5 anos
estudando essa merda se você vai acabar sendo balconista de drogaria? E o
pior nem é isso.. Triste mesmo é perceber que o outro balconista, o
"Severino Ceará" que mal fez o Telecurso 1º grau entende muito mais de
remédios do que você…

FILOSOFIA:


O estudante dessa porra é um futuro desempregado que passa seu tempo
procurando pêlo em ovo e dissertando sobre isso. 100% dos filósofos
brasileiros modernos já assistiram "Super Xuxa Contra o Baixo Astral", e
todos dizem que encontraram fortes influências de Aristóteles, Weber,
Nietzche e Kafka neste filme. A maioria acaba trabalhando como digitador
de teses de outros Idiotas estudantes de filosofia. O mesmo vale para
Sociologia.

FÍSICA:


Seres esquisitos com desvios de personalidade quando crianças, sujeitos a
suicídios e trovoadas após ligeira desilusão amorosa. Sentimentais,
explodem por qualquer coisa. Melhor manter distância. O mesmo vale para
Metereologia.

FISIOTERAPIA:


Os estudantes de fisioterapia pensam que vão cuidar de joelhos de
jogadores de futebol famosos e milionários, e com isso ganhar muito
dinheiro e fama. Mas acabam abrindo uma barraquinha de massagens na praia.
São idiotas dignos de pena!

FONOAUDIOLOGIA:


O fonoaudiólogo passa a vida tentando se comunicar com os outros.
Geralmente não consegue ( o mesmo vale para ufólogos). Se você conseguir
falar rapidamente a frase "Três pratos de trigo para três tigres tristes"
estará contribuindo para a extinção desta triste profissão.

HISTÓRIA/GEOGRAFIA:


Curso preferido dos indecisos, vagabundos e candidatas ao Golpe do Baú. O
candidato que escolhe essa carreira com certeza gosta de uma moleza, já
que uma vez que ele aprende isso, nunca mais vai precisar estudar de novo
já que a história não muda. A maioria dá aulas em escolas públicas a vida
inteira e morre pobre e desgostoso, com exceção das que conseguiram
concretizar o Golpe do Baú.

JORNALISMO:


Há basicamente 3 tipos de jornalistas: os puxa-sacos-êxito, que bajulam os
patrões e conseguem bons empregos, os puxa-e-arranca-saco, detestáveis,
que acabam em jornais menores bolando manchetes de impacto como "CÉSAR
MAIA, O MELHOR PREFEITO DO MUNDO!" e os não puxa-sacos, que geralmente
largam a faculdade para cursar história e tornarem-se anarquistas
radicais. 60% dos estudantes de jornalismo não entenderam o filme 2001:
Uma Odisséia no Espaço, mas 100% deles dizem que entenderam.

LETRAS:


Toda mulher que é mulher de direito e de fato um dia já pensou em prestar
Letras. 95% dos alunos deste curso são mulheres, o que talvez explique a
má qualidade das faculdades existentes. Estatísticas mostram que 50% das
alunas de Letras já assistiram Titanic 17 vezes e choraram em todas. As
outras 50% já assistiram o mesmo filme também 17 vezes, mas ainda não o
compreenderam, apesar de também terem chorado em todas.

MATEMÁTICA:


O sonho dourado de todo estudante de matemática é ser Oswald de Souza e
participar do Fantástico com a zebrinha… Mas a realidade é o salário de
380 pratas do magistério municipal.

MEDICINA:


Seres arrogantes e presunçosos. Alguns são presunçosos porque passaram na
UFRJ, USP ou UNICAMP, outros porque afogam chineses na piscina da
faculdade, outros porque têm certeza que passarão a vida enxertando
dezenas de litros de silicone em modelos gostosas, loiras e namoradas de
jogadores de futebol. Muitos ficam ricos, mas um belo dia caem na mão de
outros
médicos arrogantes e presunçosos e se fodem.

MODA:


Esse é o curso que encabeça a lista dos viadinhos assumidos. Todos sonham
em ser Ocimar Versolato e ter lojas em Paris, Roma e Nova York, mas acabam
é costurando fantasia no barracão da Mangueira ou da X9

NUTRIÇÃO:


Muitos dos cozinheiros do programa da Ana Maria Braga são nutricionistas
formados, o que talvez explique a falência dos bons hábitos alimentares. E
também da TV brasileira.

OCEANOGRAFIA:


Se os oceanógrafos não forem surfistas, eu realmente não sei o que eles
são. Alguém aí já viu algum oceanógrafo?

ODONTOLOGIA:


O dentista recém-formado trabalha 16 horas por dia de graça e reclama do
patrão explorador. Quando ganha nome, ele se torna o patrão explorador.

PEDAGOGIA:


Outro curso da série de cursos caçadores de maridos ricos. Não há muito
mais a dizer, visto que não há sinais de utilidade desta merda de curso.

PSICOLOGIA:


Profissão facilmente substituída por um tarólogo ou astrólogo dado o
elevado grau de semelhança e importância destas duas atividades. Na
verdade só existe uma pessoa que tem seus problemas resolvidos numa
consulta com um psicólogo. Ele mesmo. Afinal, levou o seu dinheiro (e não
foi pouco)

PUBLICIDADE E PROPAGANDA:


Eis a escória da humanidade. Seres que bolaram os reclames da Fanta ou
aquele escroto da Casas Bahia não merecem ser classificados como
detentores de 46 cromossomos. Você confiaria numa criatura que usa a
expressão "self-made man" em vez de "auto-didata" e que usa gravata do
Mickey Mouse? Nem eu… São o que há de pior na humanidade. Só perdem para
os militantes do PT, argentinos e vendedoras de assinatura de jornal pelo
telefone.

COMUNICAÇÃO SOCIAL:


Semelhante ao curso acima, algumas pessoas que frequentam esse curso
costumam escrever em blogs cujo o tema são répteis desprovidos de arcada
dentária, escutam música dos anos 60 e 70, e tem um inimigo em comum:
Preta Gil

QUÍMICA:


O químico gosta de testar seus experimentos em si mesmo,principalmente se
estes contarem com grandes doses de álcool. Não há notícias de algum
químico que jamais tenha sido aprovado no bafômetro ou no anti-doping.

RELAÇÕES PÚBLICAS:


O profissional de RP acha que vai se formar e cuidar da integridade da
carreira de uma celebridade ou trabalhar para manter a imagem de alguma
empresa multimilionária. Pena que isso não passa de uma ilusão já que no
Brasil o máximo que ele irá conseguir é um emprego de assessor de vereador
e ficar respondendo e-mails de xingamentos pro coitado. É sempre ele quem
recebe todo o peso e urucubaca que agente deseja para os políticos de
nosso país. Pelo menos uma coisa boa; com tanto político desonesto não vai
faltar emprego.

SECRETARIADO:


Um dos cursos que encabeçam a lista dos cursos caçadores de marido rico. A
melhor amiga da secretária é a mini-saia. Não é necessário dizer mais
nada.

TERAPIA OCUPACIONAL:


Jovens senhoritas que ocupam seus tempos fazendo terapia, que pode ser
compreendida por crochê, tricô, babado ou simplesmente assistir TV. Minha
avó é uma terapeuta ocupacional e não sabe.

TURISMO:


Os candidatos ao curso de Turismo acreditam piamente que passarão a vida
passeando, viajando de avião e conhecendo o mundo. 97% dos candidatos a
este curso que assistiram o filme Titanic se surpreenderam quando o navio
afundou.

VETERINÁRIA:


Taí um ramo de futuro… O profissional destas áreas mexe, dentre outras
coisas, com o milionário mercado de extração de sêmen/óvulos de bovinos e
suínos. Putz… Enfiar a mão em buceta de vaca ou ficar batendo punheta em
boi deve ser extremamente desagradável, mas sempre tem gente que nasce pra
fazer essas nojeiras. Mas a maioria acaba mesmo é dando banho em poodles
em petshops.

Mas se você não fez faculdade, logo abaixo temos uma lista de profissões
que não exigem curso superior:


* Especialista em Marketing Impresso (boy da xerox)
* Supervisor Geral de Bem-Estar, Higiene e Saúde (faxineiro)
* Oficial Coordenador de Movimentação Interna (porteiro)
* Oficial Coordenador de Movimentação Noturna (vigia)
* Distribuidor de Recursos Humanos (motorista de ônibus)
* Distribuidor de Recursos Humanos VIP (motorista de táxi)
* Distribuidor Interno de Recursos Humanos (Ascensorista)
* Diretora de Saneamento de Áreas (a tia que limpa o banheiro)
* Especialista em Logística de Energia Combustível (frentista)
* Auxiliar de Serviços de Engenharia Civil (peão de obra)
* Segundo Auxiliar de Serviços de Engenharia Civil (ajudante de pedreiro)
* Especialista em Logística de Documentos (office-boy)
* Especialista Avançado em Logística de Documentos (motoboy)
* Consultor de Assuntos Gerais e Não Específicos (vidente)
* Técnico de Marketing Direcionado (distribuidor de santinho nas esquinas)
* Especialista em Logística de Alimentos (garçom)
* Coordenador de Fluxo de Artigos Esportivos (gandula)
* Distribuidor de Produtos Alternativos de Alta Rotatividade (camelô)
* Técnico Saneador de Vias Publicas (gari)
* Especialista em Entretenimento Masculino (puta)
* Especialista em Entretenimento Masculino Sênior (puta de luxo)
* Dublê de Especialista em Entretenimento Masculino (travesti)
* Supervisor dos Serviços de Entretenimento Masculino (cafetão)
* Técnico em Redistribuição de Renda (ladrão)

terça-feira, 11 de maio de 2010

Clarice Lispector


Here follows the most interesting quotes I found from Clarice Lispector's writings:

Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento.
Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta nosso edifício inteiro.
Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da  noite.
Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.
A palavra é o meu domínio sobre o mundo
Brasília…Uma prisão ao ar livre.
Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: quer-se absorver a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.
É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento  em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo.
Liberdade é pouco. O que eu desejo ainda não tem nome.
(Perto do Coração Selvagem)
Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar.
Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: quero uma verdade inventada.
Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato…
Ou toca, ou não toca.
Porque eu fazia do amor um cálculo matemático errado: pensava que, somando as compreensões, eu amava. Não sabia que, somando as incompreensões é que se ama verdadeiramente. Porque eu, só por ter tido carinho, pensei que amar é fácil.
Quando se ama não é preciso entender o que se passa lá fora, pois tudo passa a acontecer dentro de nós.
E se me achar esquisita, respeite também.
Até eu fui obrigada a me respeitar.
Ela acreditava em anjo e, porque acreditava, eles existiam.
(A Hora da Estrela)
Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito. (cara da Gi)
Mas tenho medo do que é novo e tenho medo de viver o que não entendo – quero sempre ter a garantia de pelo menos estar pensando que entendo, não sei me entregar à desorientação.
Olhe, tenho uma  alma muito prolixa e uso poucas palavras.
Sou irritável e firo facilmente.
Também sou muito calmo e perdôo logo.
Não esqueço nunca.
Mas há poucas coisas de que eu me lembre.
Passei a vida tentando corrigir os erros que cometi na minha ânsia de acertar.
Com todo perdão da palavra, eu sou um mistério para mim.
Eu não sou tão triste assim, é que hoje eu estou cansada.
…Que minha solidão me sirva de companhia.
que eu tenha a coragem de me enfrentar.
que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.
…estou procurando, estou procurando. Estou tentando me entender. Tentando dar a alguém o que vivi e não sei a quem, mas não quero ficar com o que vivi. Não sei o que fazer do que vivi, tenho medo dessa desorganização profunda.
Porque há o direito ao grito.
então eu grito.
Eu não sou promíscua. Mas sou caleidoscópica: fascinam-me as minhas mutações faiscantes que aqui caleidoscopicamente registro.
E nem entendo aquilo que entendo: pois estou infinitamente maior que eu mesma, e não me alcanço.
Tenho várias caras. Uma é quase bonita, outra é quase feia. Sou um o quê? Um quase tudo.
Terei toda a aparência de quem falhou, e só eu saberei se foi a falha necessária.
(A paixão segundo G.H)
O que verdadeiramente somos é aquilo que o impossível cria em nós.

          
         Positioning and divagation towards her sayings: 
      
         It's funny and quite reliefing as well when we find people that think in a very inner way and try show through big extensions of tainted lines some meaning into life. Confirming and claiming and saying and overthinking. It's both a curse and a bless the gift of writing by writing, eh? Looking for answers and sense, almost approaching the limits, staying hanging on a threat. Dual: spotless and brightfull; chaos and sanity. Clarice Lispector finds the thesis and theme for her text on her own body and mind. This is actually brilliant and challenging; admiring.

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Ser ou Ter?

Ser ou Ter?
Nossa correria diária não nos deixa parar para perceber se o que temos já não é o suficiente para nossa vida. Nos preocupamos muito em TER: ter isso, ter aquilo, comprar isso, comprar aquilo. Os anos vão passando, quando nos damos conta, esquecemos do mais importante que é viver e ser feliz
Muitas vezes para ser feliz não é preciso ter, o mais importante na vida é SER. As pessoas precisam parar de correr atrás do Ter e começar a correr atrás do SER: Ser Amigo, Ser Amado, Ser Gente.
Tenho certeza de que, quando SOMOS, ficamos muito mais felizes do que quando temos. O SER leva uma vida para se conseguir e o Ter muitas vezes conseguimos logo.
O SER não se acaba nem se perde com o tempo, mas o Ter pode terminar logo. O SER é eterno, o Ter é passageiro. Mesmo que dure por muito tempo, pode não trazer a Felicidade… E é aí que vem o vazio na vida das pessoas… Por isso, tente sempre SER e não Ter. Assim você sentirá uma Felicidade sem preço!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Destroying the Past

When I looked back at her face, it was already way too late. I felt I was about to lose my temper then I left home. I don't know that was the right thing to do nor I should have done something different. Now, here, sitting in this rooftop and watching the waves breaking the shore it's just washing my thoughts away. I still rememember two years ago.

"hey wanna share a sit? You'd rather don't smoke..."  i said while I sat and watched everyone dancing in some kind of frenzy all over the dancefloor.
" I don't know, is there gonna be any reward in case I don't do it?" she laughed while was drinking her drink.
"What?" I didn't understand her intentions at first.
"All right, I was just joking." then she drank a little more and put the glass again on the table. " I mean, what's your name? and how old you are?"
"I don't know, does it matter?" I asked straight to her.
"what about tomorrow? I mean your reading me wrong." she turned around her back on me.
"Hey, this is unfair, you are the one who's getting drunk and you won't remember my name!" I responded angrily.

When she turned again and just laughed looking right at my eyes,  I thought:
" Screw me. Again."

Three months later I caught myself at a friend's place talking about my life.

"And you know dude, things went so fast, they just happened. I'd never imagine the situation I'm in now, you see?" I commented.
"Yes, yes, I know." he answered back.

Some months later. I was there again.

"Bud I can't believe she's picking so many fights. It's getting out of my control. I can't stand it.
I'm trying my hard to get things going and moving on, being soft enough to let the conflicts get through us.
But this stubborn girl is pissing me off. I hate it. But I don't know how to move on whitout this anymore.
"Oh, yeah, yes," he said again.

1 year later.

"Dude why she left me?" I asked wondering why she had really gone.
"Seriously, wasn't it over?" he complained.
"I don't know. I think it'll never end from now on." I usually stared through his window at the horizon outside.
"Don't do it man." he said.
"I ain't got control anymore."

Since the day I learned this overwhelming feeling that gave me this idea of protection; a precise future; a family; love and every basis a man needs to live on; I created in her arms my shelter and from that time on I felt like I had no home, nobody, no her.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

The beatings are perspiring profusely

Is there anybody going to listen to my story
all about the girl that came to stay
still you don't regret a single day

girl

girl

Tomorrow I'll miss you
Remember I will always be true
and then while I'm away I'll write some everyday
and I'll send all my loving to you

I need a fix cuz im going down
down to the bits that I left uptown
I need a fix because im going down...

Let me take you down
cuz i'm going to strawberry fields
nothing is real...

strawberry fields forever.

it does not matter much to me...
well you know. we all wanna change the world.
you tell me that it's evolution...

goodbye.

tout c'est rien


Todas palavras que saem de minha mente hoje perecem de sentido amanhã, 
 é como se elas só funcionassem pelo instante e compelissem toda sua plenitude nele. 
O maior dos problemas é o fato de que o viéis de hoje é dotado pela ficção, 
e ela em reflexão, se concebe somente como irreal, 
ou a distorção de uma pseudo essência que nunca voltará.

'Você pode até duvidar, acho que isso não é amor. 
 Será só imaginação?' Renato Russo